13/04/2008

* receita: mini pavlovas






















Mais uma receita do chef aqui que foi publicada na
revista Estilo Záffari /dez07. Enjoy it!!
foto: Letícia Remião

Sendo uma excelente opção para aproveitar as claras que sobraram de alguma outra receita, a pavlova é uma sobremesa australiana à base de merengue, creme chantili e frutas. O nome é uma homenagem à bailarina russa Anna Pavlova. Essa receita é de salivar !

mini pavlovas, confeti de frutas tropicais, serragem de pistachio e molho de maracujá
(rende 30)

3 claras de ovo
½ colher de chá de essência de amêndoas
2/3 de xícara de açúcar
pitada de sal
400 ml de creme de leite fresco
açucar a gosto
½ colher de chá de essência de baunilha
200 gr de pistachios, pulverizados
3 maracujás azedos
frutas tropicais picadas em pequenos cubos

Procedimento:

1. Bata as claras em neve adicionando o açúcar aos poucos até ficarem bem firmes.
2. Acrescente o sal e a essência de amêndoas. Bata.
3. Sobre uma forma untada, com uma colher de chá disponha porções individuais do merengue .
4. Faça uma pequena cratera no meio desses merengues de forma a parecerem pequenos vulcões.
5. Asse-os no forno de 90 graus centígrados mantendo a porta semi-aberta por umas 3 a 4 horas ou até estarem completamente secos.
6. Retire , deixe esfriar e congele-os em um recipiente hermeticamente fechado. Podem ser congeladas até o uso.

Ao servir:

1. Bata o creme de leite e a essência de baunilha em um recipiente frio até ele engrossar um pouco. Acrescente o açúcar pouco a pouco e continue batendo até obter o ponto de um chantili (um creme bem espesso e firme) . Muito cuidado para não bater demais ou seu chantili vai virar uma manteiga.
2. Disponha o chantili na cratera de cada merengue. Adicione o suco de maracujá e a serragem de pistachio.
3. Coloque as as frutas tropicais e sirva imediatamente.


***

20 comentários:

Leandro disse...

Não conhecia seu blog... caí aqui de paraquedas!

Não tenho palavras pra descrever.... é sensacional!

Parabéns!!!

Leandro
www.cozinhapequena.com

LUCIANO LUNKES disse...

que legal que gostaste, Leandro! vou checar o teu. Super abraço e volte sempre!

laila disse...

luciano q bom q comentaste no meu blog assim tive o prazer de conhecer os eu...mto bonito seu trabalho...

agora as pavlovas estao um encanto...eu sou doidinha por essa sobermesa! bjs

LUCIANO LUNKES disse...

obrigado laila...eu tambe adoro pavlovas. Parabéns pelo teu blog tambem. adorei. bj

Anônimo disse...

Estou numa dúvida atroz... Do que gosto mais? Das delícias gastronômicas ou da delícia de texto... Para não correr o risco do arrependimento, fico com os dois. É um doce deleite!

Rosane Vargas disse...

Luciano,
o blog foi indicado por uma amiga. Muito bom. Espero que te estendas mais nas explicações sobre as diferenças entre cúrcuma e açafrão e os usos para cada um.
abraço

LUCIANO LUNKES disse...

Olá, senhor anônimo acima...adorei o comentário , especialmente a sua veia poética ..."doce deleite!!"...legal mesmo!! Olha, venha sempre visitar no concha. Vou procurar manter os seus olhos em pleno deleite...rs..abraçao

LUCIANO LUNKES disse...

Oi Rosane, olha... se você clicar nos links ( as palavras em cor azul) localizados no texto sobre a cúrcuma, você acessará muitas informações preciosas sobre ela e o açafrão. Postei a receita do consomê de tomates para ilustrar o uso do açafrão. Aguarde que no futuro próximo, várias receitas serão postadas onde o emprego de ambos será amplamente divulgado. Varias receitas marroquinas, tailandesas, indianas, etc,etc serão publicadas. A grande maiori delas contém no mínimo um desses dois ingredientes. Se tiveres alguma pergunta específica, por favor...terei o maior prazer em respondê-la. Super abraço e estou à disposição.

Anônimo disse...

Olá, Luciano. Descobri o teu blog na Contracapa da Zero Hora. Além da foto estar uma gracinha, o teu blog é sensacional. Abraços, Júlia (mãe do teu xará Luciano)

LUCIANO LUNKES disse...

Oi, Júlia-Mãe-do-Meu-Xará!
ser mãe de luciano só pode ser coisa boa...heheh...olha, estamos aí ás ordens...o que precisares é só dar um grito... um super beijo...alias, a senhora dê um puxão de orelhas no seu lucinho...ele anda sumido.

Claudia Rossa disse...

Olá Luciano, sou umas das novas integrantes do Coral...quando você falou que havia saido na Zero Hora (vi sua foto, mas não o reconheci), depois do ensaio, encontrei o seu blog. Muito legal, !! Abraços, Claudia

LUCIANO LUNKES disse...

Legal, Cláudia. Olha, se tu curtes gastronomia, seja bem vinda. Estamos aqui as ordens. Qualquer dúvida, em escreva. Caso contrário te vejo no ensaio do grupo vocal. Super abraço e obrigado pela visita

Daniel Figueiredo disse...

Pavlova é uma das minhas sobremesas favoritas, sempre que me sobram claras faço algo com merengue. Costumo fazer pavlovas grandes. Uma diferença da sua receita, é que não coloco açúcar no creme batido, acho que o açúcar do merengue já é doce suficiente pra toda a sobremesa.

LUCIANO LUNKES disse...

Oi Daniel,
eu não sou um cara lá muito chegado em doces. Como pouco proque geralmente acho eles demasiadamente açucarados. A quantidade de açucar no chantili dessa receita não sobrecarrega o doce. Ele é realmente suave. A acidez das frutas cítricas, ao meu ver, contrabalança bem com o creme levemente adocicado. Mas tenho a certeza, que dá para dispensar o açucar do creme sim. Super abraço e vamos continuar esse troca-troca de figurinhas.É um prazer.

Laurinha disse...

Olá!
Que prazer visitá-lo! O interesse foi tanto que li cada um de seus post, e fiquei encantada! Não sei qual me chamou mais a atenção, mas de certo o lemoncello deve ser delicioso. Quando o meu acabar, vou experimentar fazê-lo em casa!
Beijinhos,

LUCIANO LUNKES disse...

Que bom, Laurinha. Fico lisonjeado com o teu depoimento. Mas isso é somente o começo de uma trajetória cheia de receitas bacanas, histórias e reflexões sobre a gastronomia, o prazer de vivê-la e nos descobrirmos através dela. Obrigado pela visita. Continue batendo à porta do Concha. Você é uma das razões da existência dele. Qualquer dúvida, estamos aqui. Bj

Valentina disse...

Oi Luciano estou amando este teu canto. E estas pavlovas estão lindas. Apetitosíssimas. Já em resposta à pergunta que deixastes no meu blog, o Trem Bom,moro na Inglaterra.Até a próxima.

LUCIANO LUNKES disse...

Valentina, que legal. Amo Londres !! Alias, adorei o teu blog. As fotos, os textos,enfim... tudo. Ai que inveja....meus tempos de rubarbo !! Vou continuar checando o teu site. Você é brasileira ou portuguesa?
beijo

Alex disse...

Vou tentar fazer estas mini pavlovas...me deu água na boca...
Vamos ver se chegam perto das do chef..

LUCIANO LUNKES disse...

E?? como ficaram??